Deputado Ezequiel Junior intercede junto a Casa Civil para que servidores não paguem por erro da administração pública

3 de agosto de 2018

O deputado Ezequiel Junior (PRB) intercedeu junto a Casa Civil do Governo do Estado  para que servidores do DETRAN/RO não paguem por um erro cometido pelo Executivo. Trata-se de uma processo administrativo contra 100 servidores que receberam auxílio alimentação e que estão prestes a devolverem os valores aos cofres público.

Na Casa Civil, o parlamentar foi representado pelo chefe de gabinete, Evandro Mota,  e o diretor executivo de seu gabinete, Caetano Tainan Dalazen, especialmente designados por Ezequiel para acompanharem o caso até uma solução final.

Os representantes do arlamentar foram recebidos pelo procurador Jurídico da Casa Civil,  Fábio Teixeira, para obter informações acerca do processo administrativo instaurado pelo DETRAN/RO  que resultou na notificação de 110 servidores para que promovam a restituição aos cofres públicos de valores recebidos a titulo de auxílio alimentação.

Os esclarecimentos não foram convincentes acerca da legalidade da restituição. Na oportunidade ficou deliberado que o processo administrativo instaurado pelo DETRAN será analisado pela PGE/RO (Procuradoria Geral do Estado). A reunião contou com a presença de Marcio Felix (diretor adjunto do DETRAN), João Henrique (diretor administrativo e financeiro do DETRAN), Miriam Cruz (coordenadora geral de recursos humanos do DETRAN), do procurador geral do DETRAN e Rodrigo Nogueira (representante dos servidores notificados).

Comentarios